I LOVE NY

May 30, 2014 by


New York, 25 de dezemdro – 2013


Difícil não se apaixonar por Nova York!
Existem mil e uma razões, e muito mais … infinitas!
Para simplificar eu comento aqui 10 razões para gostar da cidade neste momento pois tudo pode mudar amanhã.
Quais são as suas?

• 1 – No topo da minha lista: o Chrysler Building.
O Chrysler foi concebido pelo arquiteto William Van Alen e a obra começou em 1928. O edifício era o mais alto do mundo até ser superado pelo Empire State Building. Mas ainda é o prédio de tijolos mais alto do mundo. Uma das primeiras construções a usar aço inoxidável na fachada é a epítome do estilo Art Deco. Em 1987 o diretor de cinema Ridley Scott nos deu de presente na abertura do filme “Perigo na Noite” (“Someone To Watch Over Me”) uma panorama em que a câmera namora o Chrysler Building no voo noturno mais glamouroso já visto do skyline da cidade, enquanto o cantor Sting sussurra a canção de George Gershwin. Assista aqui:

• 2 – Eileen’s (Special) Cheesecake
O melhor quitute novaiorquino. Se você visitar a cidade e não provar uma “cheesecake”a sua viagem não valeu! E se for provar, procure esta lojinha no número 17 Cleveland Place (Na Lafayette Street com Spring Street – SOHO/NOLITA – fone: (212) 966-5585) e, cuidado! Se você caminhar muito rápido você poderá passar por ela sem percebê-la. Antes de entrar nesse mimo deixe a sua consciência na rua para comer quantas “cheesecakes” quiser. Encontra-se vários tamanhos e vários sabores de cobertura e a minha preferida é a individual do tamanho de uma empadinha, clássica (“plain”), sem cobertura.
http://www.eileenscheesecake.com/
• 3 – Frick Collection
Se fosse preciso escolher um museu para ver Arte em Nova York a minha opção seria o Frick que pertenceu a um milionário americano que morava numa mansão magnífica na Quinta Avenida em frente ao Central Park cheia das melhores obras de arte do mundo (só de visitar a casa já vale à pena). O museu abriga três quadros do pintor Vermeer, vários Rembrandt, Velásquez e etc… Eu digo que é passeio obrigatório. E você consegue ver tudo em menos de duas horas. Para qualquer pessoa, mesmo para quem não é aficionado em Arte.
http://www.frick.org
• 4 – Brooklyn Heights & Carroll Gardens
Você se lembra de uma cena de cinema, Loretta Castorini (Cher) de salto estileto chutando latas na rua, voltando para casa de madrugada depois de uma noitada, iluminada por uma lua gigante e o World Trade Center lá no fundo da cena? Pois é, bons tempos… quando não havia ainda os grandes bancos em todas as esquinas da cidade e nem o Starbucks. O filme “O Feitiço da Lua” (“Moonstruck”) dirigido por Norman Jewison foi filmado nesta vizinhança que fica no bairro do Brooklyn, debruçada sobre o East River, com uma vista de cartão postal para o centro da cidade em Manhattan. Procure o parque chamado Promenade para a melhor vista. As duas torres gêmeas não estão mais lá mas a ponte do Brooklyn continua majestosa enfeitando o visual. Aproveite para andar pelas ruas charmosas, tranquilas e arborizadas passando pelas lindas casas geminadas. Quem sabe você vai encontrar a padaria de Ronny Cammareri (Nicolas Cage) e se apaixonar por ele também? Se for em noite de lua cheia então… ! A “Cosmo’s Moon” vai fazer você uivar de paixão! Confira aqui neste segmento do filme:

• 5 – As vitrines de Natal da loja Bergdorf Goodman na Quinta Avenida com rua 58.
Leia mais sobre elas na penúltima matéria que escreví para este BLOG, há duas semanas atrás.
• 6 – Andy Warhol.

Todos nós sabemos que Andy Warhol (1928-1987) foi um enigma. Eu sempre fui mais fascinado por sua “persona” do que pela Arte que ele criou. O profeta da Arte Pop disse uma vez: “Sucesso é ter um emprego em Nova York” … “Well,” até Jackie O. trabalhou em Manhattan! Mais tarde ele sapecou outra frase: “No futuro todo mundo será famoso por 15 minutos” (Hello, You Tube! • Hello, Facebook!) Warhol era um apaixonado pela cidade e se sentia mal quando tinha que deixá-la por qualquer motivo. Eu também sentí o mesmo na primeira vez que saí da cidade depois de ter mudado para cá e ví suas luzes desaparecerem na escuridão da noite da janela do avião. Gulp!
• 7 – Lincoln Center.
Não existe melhor lugar no mundo para assistir a balés, óperas, teatro, shows e música clássica. Ter um beijo roubado na fonte negra de águas brancas dançantes. E bailar ao ar livre nas noites de verão.
• 8 – O Central Parque no verão.
O pulmão verde mais lindo que existe!
• 9 – Porque é a cidade que nunca dorme, não pára nunca. O que pode ser o nirvana para uns, mas um pesadelo para outros.
• 10 – Woody Allen.
Ele adora Nova York exageradamente e os filmes dele – como “Manhattan” – me fizeram apaixonar por ela e mais tarde mudar para a cidade. Nova York era a sua, a minha cidade, e para sempre seria!
Veja aqui:

Read Comments      Comment

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*

Follow Luiz

Get every new post about Luiz's art delivered to your Inbox.

Join other followers: